Resenhas Abortadas II

O que se espera de uma obra literária de qualidade? Um crítico mais racional preocupa-se em primeiro lugar com os aspectos técnicos. Analisa as personagens, o espaço, o tempo, o narrador, etc., às vezes deixando a história em segundo plano. Se o escritor souber trabalhar bem esses aspectos, receberá elogios do analista. O crítico dito impressionista, por sua vez, é mais epidérmico, deixando-se levar pela emoção. Nesse caso, a relevância está na história e ela deve tocar de certa forma o leitor. Creio, no entanto, que é a obra que deve determinar a análise. Quatro negros, ganhador do prêmio da Associação Paulista dos Críticos de Arte (APCA), na categoria novela, de Luis Augusto Fisher, em que pese a técnica narrativa utilizada, pega o leitor no seu lado emocional.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

"Eu te amo" ou sinal do Diabo?

Sobre “Amortalha”, de Matheus Arcaro