Arnaldo Campos (1932-2012)

Morreu ontem o escritor Arnaldo Campos, de acordo com nota do IEL. Notável contista, seu livro O degrau foi uma de minhas leituras marcantes. Volume com menos de 70 páginas, me influenciou a lançar um livro igualmente curto, mas que procura ser denso e artisiticamente elaborado. Publicou ainda O justiceiro e outras histórias, Réquien para um burocrata, A boa guerra e A ceia do diabo. Na foto, os exemplares que tenho de sua obra na minha biblioteca.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

No Traçando Livros de hoje, Milan Kundera e A arte do romance

Uma resenha que não aconteceu