Urobórico trecho de "As confissões de Lúcio”, de Fernando Monteiro



“estamos em 2002, o ano estranho do calendário, palindrômico e voltando o rabo do dois nos dois sentidos do tempo que se suicida pelo rabo.”

Comentários

Mensagens populares deste blogue

"Eu te amo" ou sinal do Diabo?

Sobre “Amortalha”, de Matheus Arcaro