Mais uma resenha sobre meu livro

Texto escrito pelo Dilso Santos na sua coluna sobre literatura no Jornal Arauto, da cidade de Vera Cruz.


Comentários

Adorei. Mas o mérito é do autor e desses arranhões que ficam inquietando o leitor. Feridas que não cicatrizam, só aumentam. Quem gosta de obras que continuam e nos trazem um pouco de inquietude, leiam "Arranhões e outras feridas"; aos que preferem passar o tempo, matar o tempo com coisas que só dizem o que se quer ouvir, leiam autoajuda mesmo. Prefiro a primeira opção, tanto que recomendo. Se não leram ainda, vamos lá, a boa literatura espera por você.

Mensagens populares deste blogue

No Traçando Livros de hoje, Milan Kundera e A arte do romance

Uma resenha que não aconteceu