Avançar para o conteúdo principal

Comentário sobre um dos contos do meu livro

Charlles Campos comentou outro conto do meu livro "Arranhões e outras feridas":

"Gostei muito de seu conto "O Casarão". Um conto despretensioso muito eficaz. Singelo e metalinguístico nos toques de ironia com a história de clichê clássica que deu inspiração a ela. Já vi umas tantas fontes que bebem do mesmo enredo, inclusive um curta da Pixar sobre um menininho e uma loja deserta de bonecos, cuja porta, pasme... esqueceram aberta. Gostei dos exageros intencionais dos milhares de livros e da beleza descomunal da garota da sacada, e o quanto o conto segue a linha dos outros em sempre mostrar auto-retratos do autor. Muito bom mesmo o conto."
Aqui, a Jorcenita lendo o conto:

Comentários

charlles campos disse…
... e a Jorcenita é maravilhosa! Ouvindo-a, veio-me um verso do Whitman: "o doce som valvar da sua voz".
Cassionei Petry disse…
Maravilha, né. Enriqueceu meu texto.

Mensagens populares deste blogue

Uma resenha que não aconteceu

Terminei a leitura de Os invernos da ilha, de Rodrigo Duarte Garcia (Record, 462 páginas), já pensando em escrever uma resenha crítica, apontando alguns pontos positivos e outros negativos do romance. Antes de pôr a mão na massa, porém, entrei nas redes sociais e fiquei sabendo que a coluna do Raphael Montes, em O Globo, apontava a obra do Rodrigo como popular, para se divertir, e então desanimei.
Acontece que há um equívoco tremendo por parte de alguns autores e leitores de literatura de entretenimento quando afirmam que literatura policial, de mistério ou de aventura (em que se encaixaria Os invernos da ilha) são desprezados pela crítica. Este é o tom do texto de Raphael Montes. Ele e tantos outros se equivocam ao dizer que Rubem Fonseca, escritor já canonizado e que é objeto de estudos até em livros didáticos, não tem o reconhecimento que merece porque é taxado por fazer literatura menor. Ledo engano ou uma tentativa forçada de se colocar como vítima.
Ora, a “crítica” (coloco entre …

"Cacos e outros pedaços" no Caderno de Sábado do Correio do Povo

O lançamento do meu livro na semana passada teve divulgação no Caderno de Sábado do jornal Correio do Povo, de Porto Alegre.