Bauman foi mais esperto (XIV)

Às vezes me considero um gênio incompreendido. Outras vezes me considero um fracasso. Não sou nenhum nem outro.
*
Escrevemos sobre o que nos angustia. Por isso tenho muitas personagens que são escritores.
*
Afastando-me de qualquer opinião política para que minha atividade de leitor e escritor não sofra nenhuma influência.
*

“Todo diario íntimo es un síntoma de debilidad de carácter, debilidad en la que nace y a la que a su vez fortifica. El diario se convierte así en el derivativo de una serie de frustraciones, que por el solo hecho de ser registradas parecen adquirir un signo positivo.” Julio Ramón Ribeyro

Comentários

Mensagens populares deste blogue

No Traçando Livros de hoje, Milan Kundera e A arte do romance

Uma resenha que não aconteceu