Os mestres se inspiram

Atendendo ao pedido do Robert, vou explicar a charge. Quando a achei na net, me chamou a atenção por conter os 3 mestres do conto para mim.

A parte do Cortázar se refere ao conto “No se culpe a nadie”, em que o personagem, ao colocar um pulôver num dia frio, começa a se enroscar e entra em desespero. Contar mais é tirar o sabor da narrativa do mestre argentino, lembrando que sempre tem um toque de realismo fantástico nos seus contos. Está no livro Final de Juego, cuja edição brasileira está esgotada. Quem se arrisca na língua de Cervantes, pode ler o conto aqui.

Quanto ao Poe, trata-se do poema narrativo O corvo, em que o personagem se depara com um corvo que lhe diz sempre “Nevermore!” (Nunca mais!). Pode ser lido em um post aqui no blog.

A parte do Kafka se refere a vários textos ao mencionar a burocracia dos órgãos públicos, além da barata da novela A metamorfose, que grita em alemão “Castelo”, referente a um romance do Kafka.


Comentários

Mirella disse…
*Vincent Price* Nevermore...
Robson Duarte disse…
Desculpa a ignorãncia, só saquei a do Kafka. Explica as outras aê!

Mensagens populares deste blogue

"Eu te amo" ou sinal do Diabo?

Sobre “Amortalha”, de Matheus Arcaro