"Não leia para se aborrecer..."

foto de Eder Chiodetto

"Não leia para se aborrecer, mas também não venha me dizer que a Ilíada, de Homero, é um livro aborrecido: aborrecido pode ser você." Autran Dourado, em Breve manual de estilo e romance.

Comentários

Cassionei Petry disse…
Vale para o Joyce, né, Andressa?
Misael Abreu disse…
A pura verdade. Os leitores costumam dizer que os livros são ruim, aborrecedores e blá-blá-blá; mas esquecem que a opinião deles não pode ser generalizada: o que é aborrecedor pra um, pra outro pode não ser. Depende da forma que cada um vê a leitura e, principalmente, de sua "irritabilidade literária". Deve ser um termo justo pra definir isso, não acham?
Cassionei Petry disse…
Gostei dessa expressão.

Mensagens populares deste blogue

No Traçando Livros de hoje, Milan Kundera e A arte do romance

Uma resenha que não aconteceu