Manga

Vocês sabem que o assunto aqui no blog não é futebol, apesar de ele ocupar boa parte dos meus pensamentos diários, mesmo eu fazendo força para o contrário. Mas o blog tem espaço para a arte e o futebol às vezes nos presenteia com uma obra, como o gol do Nilmar no ano passado.

Hoje, queria compartilhar a emoção que senti ao saber que o Inter contratou o goleiro (me recuso a chamá-lo de ex) Manga, o Manguita Fenômeno, para trabalhar no clube. Não o vi jogar, pois ainda não era nascido quando ele brilhou no Colorado, mas tenho entre minhas relíquias um quadro do Inter quando foi bi-campeão brasileiro em 76. Quando era piá eu queria ser goleiro, e via naquele camisa 1 de cara furada um ídolo (talvez por isso eu perdoava os erros do Clemer, pois ele sempre me lembrou o Manga), junto com Tafarel. Por que contratá-lo? Creio que o Milton Ribeiro responde melhor do que eu.

Segue um vídeo mostrando uma das obras de arte desse grande goleiro.

Comentários

Milton Ribeiro disse…
Obrigado, ter visto Manga em campo é uma dos poucos pirvilégios de ser velho.

Abraço.
Cassionei Petry disse…
Obrigado pela honrosa visita. Abraço. Milton.

Mensagens populares deste blogue

No Traçando Livros de hoje, Milan Kundera e A arte do romance

Uma resenha que não aconteceu